O time alvinegro fez uma boa partida defensivamente e conquistou seus primeiros três pontos no Brasileirão

 O Corinthians desencantou no Campeonato Brasileiro e aliviou a pressão em cima do técnico Sylvinho ao derrotar o América Mineiro pelo placar de 1 a 0, em partida realizada na tarde deste domingo, na Arena Independência, pela segunda rodada.

Com o resultado, o Corinthians ganhou um fôlego na tabela e seus primeiros três pontos na competição. O América, por outro lado, conheceu o segundo revés e chegou a cinco jogos sem marcar gols.

Ouça o gol narrado pela Equipe Voz do Esporte 


TIMÃO NA FRENTE!
Pressionado com a sequência de resultados ruins, o Corinthians precisou sair logo de cara para cima do América e chegou com perigo aos sete minutos. Luan, de letra, acionou Fagner pela direita. O lateral avançou e exigiu boa defesa do goleiro Matheus Cavichiol. O goleiro brilhou novamente, aos 17, quando pegou uma tentativa de Gustavo Mosquito.

A pressão do Corinthians acabou dando resultado. Gustavo Mosquito invadiu a área e acabou derrubado por Marlon, pênalti. Fábio Santos foi para a cobrança e fez 1 a 0. O América acordou após sair atrás e chegou pela primeira vez. Ademir cobrou falta e jogou por cima de Cássio.

Os minutos finais foram de equilíbrio. A defesa do Corinthians teve grande atuação e não deixou o América criar. Do lado corintiano, Luan ainda teve uma oportunidade, de bola parada, mas jogou por cima.

SEGUROU!
O Corinthians voltou para o segundo tempo mais cauteloso. Sylvinho deu gás novo no meio de campo colocando Ramiro e continuou forçando as jogadas pelo lado direito. O time paulista não conseguiu criar, mas também anulou o América, que encontrou extrema dificuldade para ameaçar.

Nos minutos finais, o time mineiro conseguiu crescer e chegar com perigo na área do Corinthians. O América ainda marcou com Ribamar, mas o árbitro pegou impedimento e anulou o lance. Cássio também trabalhou ao segurar um arremate de Alê. No fim, o time alvinegro se fechou, suportou a pressão rival e confirmou a vitória.