O casal disse que as acusações feitas pelos filhos do comunicador contra a madrasta são infames e conviveram sempre  bem com ela


O irmão e cunhada de Cid Moreira, Célio e Lurdinha, falaram em defesa do jornalista no processo envolvendo os filhos do comunicador, que acusam a madrasta, Fátima Sampaio, de maus tratos.


Em um vídeo publicado no Instagram do comunicador, o casal disse que tem uma boa convivência com a mulher de Cid e que é uma "infâmia" o que estão tentando fazer com o ex-apresentador.


"Há 89 anos eu sou o irmão dele. A gente brinca, a gente discute, mas eu gostaria de lamentar o que está ocorrendo. Eu acho uma infâmia e não sei o que esses caras estão pretendendo. Acho que eles vão entrar pelo cano, na minha opinião. Você [Cid] se dá tão bem com a sua esposa. Nós nos damos tão bem com ela. Uma pessoa boa e que não merece o que estão fazendo com ela", disse Célio.


Em seguida, Lurdinha disse que a família vem recebendo mensagens "desagradáveis" desde que as acusações se tornaram públicas. "Também quero dar a minha opinião sobre essas confusões que estão fazendo... A gente tenta mostrar uma coisa, eles interpretam como outra. Mandam mensagens desagradáveis que nos dói muito, cheguei a passar mal. A injustiça é algo que dói em qualquer pessoa. Ver uma agressão dói na gente também. Estamos juntos há 30 anos, eu e o Célio. Amo a Fátima, defendo a Fátima, é minha cunhada e sempre será", desabafou ela.