O cantor Zé vaqueiro se pronunciou pela primeira vez nesta quarta-feira (27) sobre a polêmica de não ter convidado a mãe, Nara de Sá Marcolino, para seu casamento com Ingra Soares, que aconteceu na segunda-feira (25). Foi a própria Nara que revelou nao ser chamada para a celebração ao deixar um comentário durante a live que transmitiu a cerimônia. "Que Deus abençoe, meu filho. Se tivesse me convidado, eu tinha ido", disse ela.

Em seu Instagram, Zé Vaqueiro fez um post para falar do assunto e mostrou ter mágoas da mãe. "Ser uma pessoa pública não me obriga a expor minhas feridas, espero que as pessoas compreendam e respeitem. É muito fácil julgar o que não viveu", declarou ele, que assinou o texto com seu nome verdadeiro, José Jacson.

No último sábado, em seu Instagram, Nara parabenizou a nora. "Hoje é dia dela, da minha nora Ingra. Que Deus te conceda toda sorte de bênçãos e muitos anos de vida e paz ao lado do meu filho. Obrigada por cuidar tão bem dele. Feliz aniversário", escreveu Nara. Em fevereiro, Nara postou fotos com o filho cantor e se declarou. "Matando a saudade do meu bebê", escreveu.

A celebração, religiosa e civil, foi ao ar livre e decorada com flores brancas. Xand Avião, amigo do casal, foi um dos famosos presentes.

O casal está junto há dois anos e tem o pequeno Daniel Martin, de 1. O menino levou as alianças até o altar ao lado da irmã, Nicolle, filha de Ingra. Em seus votos, ela relembrou o dia em que conheceu o agora marido, abordou a diferença de idade entre eles e falou sobre a importância do menino em suas vidas.