Possíveis integrantes de chapa nas eleições presidenciais de 2022, o ex-presidente Lula (PT) e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin, realizaram sua primeira reunião pública na noite deste domingo (19).

O encontro entre os dois aconteceu durante um jantar promovido por um grupo de advogados que contou com 500 convidados no restaurante A Figueira Rubaiyat, em São Paulo. O nome de Alckmin tem sido cotado para compor uma chapa com o petista há bastante tempo e este jantar marcaria o aumento dessa aproximação entre os dois.

O jantar ocorre após Alckmin oficializar sua saída do PSDB, anunciada na última semana. A saída do ex-governador da legenda também foi vista como um avanço na direção da formação da chapa, articulada sobretudo pelo ex-governador Márcio França (PSB) e pelo ex-prefeito Fernando Haddad (PT).

Além de Lula e Alckmin, confirmaram presença no jantar: Gleisi Hoffmann, deputada e presidente do PT; Gilberto Kassab, presidente do PSD; os governadores do Piauí, Wellington Dias, e de Pernambuco, Paulo Câmara; os senadores Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e Renan Calheiros (MDB-AL); e o deputado federal Rodrigo Maia (Sem Partido-RJ).

Foto: Divulgação/Ricardo Stuckert

Texto: Jean Bueno/ Conectv/ Nova Difusora